PESQUISAR

27 de dezembro de 2011

Como eliminar o vírus que infecta pendrive e transforma pastas em atalhos

Esta praga não é nenhuma novidade. Mas ainda o vejo em plena circulação por aí. Inclusive na rede da empresa onde trabalho este maldito malware "perturbou minha idéias", pois vários usuários ficaram "desesperados", achando que perderam seus arquivos.

A ação do "maldito" se resume em criar falsos atalhos de suas pastas. Ao clicar sobre as mesmas, ou uma janela de prompt de comando surge e se fecha repentinamente ou simplesmente nada acontece. Ou seja, o usuário perde acesso ao conteúdo de suas pastas.

Mas existem outras variantes deste software malicioso. Eu lamentavelmente fui "sorteado" com uma versão que ao clicar sobre o falso atalho, outro código malicioso foi executado automaticamente fazendo com que minha máquina fosse contaminada com outro malware, mas com um efeito muito mais devastador. Ele simplesmente me impediu de acessar a internet (porta 80), provocou lentidão excessiva no sistema e impediu que qualquer solução antivírus fosse instalada. Portanto, minha recomendação é não executar os atalhos (caso você ainda não os tenha executado, é claro.)

Se você está passando por isso, não se desespere. Este malware apenas oculta suas pastas e cria falsos atalhos, dando a sensação de que não há o que se possa fazer para desfazer o incidente, ou seja, que a única solução é a formatação.

Transformando os atalhos em pastas novamente!