PESQUISAR

29 de agosto de 2011

Parte 2 - Comandos úteis para uso em redes de computadores (nbtstat, tracert, net, etc.)

Dica válida para todos os sistemas Windows

Tempos atrás eu postei a seguinte matéria:

Parte 1 - Comandos especiais para uso em redes de computadores (O comando PING é mais do que você imagina!)

Vimos no post acima que o comando PING possui parâmetros interessantes, porém pouco explorados por alguns operadores e analistas que prestam suporte a redes.

Iremos agora aprender outros comandos importantes. Alguns aqui também são desconhecidos por alguns profissionais da área de suporte e redes.

Antes de começar

Evidentemente todos os comandos devem ser executados preferencialmente com uma conta de usuário com privilégios de Administrador. Entretanto, alguns deles funcionam com contas restritas de usuário.

Todos os comandos devem ser digitados numa janela de prompt de comandos. Para abrir esta janela faça:

1. Clique no menu Iniciar - Executar (para Windows XP e Server 2003) ou clique no menu Iniciar - Pesquisar programas e arquivos (Windows 7 e Server 2008 R2). Para Windows Server 2008 clique no menu Iniciar - Iniciar Pesquisa.

2. Digite CMD no campo apropriado em seguida pressione Enter.

3. A janela cmd.exe aparecerá.

Vejamos agora os comandos desta segunda parte da série.

Como descobrir quais computadores de seu domínio ou grupo de trabalho estão conectados à rede

Muita gente não sabe, mas com apenas um simples comando você consegue descobrir todos os computadores do domínio ou grupo de trabalho que estão evidentemente conectados à rede. Basta digitar num prompt de comandos:

net view

Net view listou três computadores de minha rede virtual de testes.
Clique na imagem acima para ampliá-la

Como descobrir o MAC Address de um computador através da rede

Eventualmente você precisará descobrir o endereço físico (Mac Address) da interface ethernet (ou placa de rede) de algum computador em sua LAN/WAN. Mas ao invés de acessar física ou remotamente o computador desejado para descobrir o Mac, porque não descobri-lo através de um simples comando, sem a necessidade de dirigir-se até o computador em questão? Para tal, basta digitar:

nbtstat ESPAÇO -a ESPAÇO nome do computador

Exemplo:
nbtstat -a server01

O MAC Address do computador da rede foi identificado.
Clique na imagem acima para ampliá-la




O comando TRACERT

Este comando é utilizado para conhecer o caminho que os pacotes fazem até chegarem ao seu destino. Ele é importante para os casos em que se deseja descobrir o motivo pelo qual uma determinada aplicação que faz uso da internet não funciona. Um exemplo disto é o Conectividade Social, um serviço disponibilizado pela Caixa Econômica Federal, frequentemente utilizado nas empresas pelos setores de Recursos Humanos e Departamento Pessoal. Normalmente este problema ocorre devido a configurações de Firewall e/ou Roteador(es).Se ao executar o comando, os pacotes ICMP ficarem "presos" em um determinado recurso (recurso este identificado por seu endereço IP), então provavelmente existe um problema de configuração neste recurso, normalmente como já mencionei, um firewall ou roteador. Usar este comando é simples. Basta digitar:

tracert ESPAÇO IP ou o nome do host

Exemplo:

tracert 200.201.174.23

Abaixo postei um print contendo um exemplo dum rastreamento feito a um servidor do domínio Yahoo.com.

Nesta figura temos o caminho completo, passando por diversos roteadores, até chegar ao domínio Yahoo.
Clique na imagem acima para ampliá-la

Uma opção interessante para o uso do "tracert" é incluir o parâmetro "-d". Ao usá-lo, o comando não resolverá nomes, possibilitando assim maior rapidez na conclusão do comando.

Exemplo:

tracert -d yahoo.com.br


Como descobrir o nome do computador (nome de host)

Para descobrir o nome de um computador é fácil. Numa janela de prompt basta digitar:

hostname

Hostname reportou que o nome do computador é MCP01.
Clique na imagem acima para ampliá-la
Esta série ainda não acabou. Em breve postarei outros comandos importantes. Abraços!


Espero ter contribuído com mais estes conhecimentos.

Este post lhe foi útil? Então não deixe de postar o seu comentário. Ele é muito importante!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Nos comentários poderão existir informações que poderão lhe ajudar a resolver seu problema.